CENTRO ACADÉMICO DE INVESTIGAÇÃO E FORMAÇÃO BIOMÉDICA DO ALGARVE
mantenha-se sempre a par da atualidade
O Algarve Biomedical Center (ABC) já fez 14 mil testes em lares e creches na região do Algarve e do Alentejo.
15 May, 20

Algarve Biomedical Center (ABC) já fez 14 mil testes a funcionários e utentes de lares e creches na região do Algarve e do Alentejo.

De entre as 105 instituições para idosos testadas no Algarve (utentes e funcionários), «apenas tivemos um caso de um lar positivo, o da Misericórdia de Boliqueime, mas que atempadamente se identificou, o que permitiu o seu isolamento adequado», afirmou Nuno Marques, presidente do ABC.

No Alentejo, já foram efetuados 1451 testes, em 17 instituições dedicadas aos idosos. E o trabalho continua diariamente.

No que diz respeito às creches, setor onde há «um número muito maior de instituições», parte das quais irá já abrir na próxima segunda-feira, dia 18, o presidente do ABC sublinhou que foi preciso fazer «um planeamento enorme, para conseguirmos, no espaço de semana e meia, dar resposta a tudo», novamente no Algarve, Baixo Alentejo e seu Litoral.

Ao todo, serão rastreados todos os funcionários de 129 creches do Algarve, de modo a «reduzir ao máximo o risco de contágio», quando estas abrirem.

Ao contrário do que aconteceu com as instituições para idosos, em que a equipa do ABC é que se deslocava a cada um deles, no caso dos testes aos funcionários das creches que vão abrir no dia 18, são eles que vão aos centros drive-thru instalados junto ao Estádio Algarve e no Portimão Arena, o que nos permite aumentar a capacidade de resposta.

A ministra Ana Mendes Godinho elogiou o «trabalho extraordinário do ABC», salientando que o seu pioneirismo nos rastreios em lares acabou por ser uma boa prática que já está a ser replicada em todo o país.

 Saiba mais em:

https://www.sulinformacao.pt/2020/05/abc-ja-fez-14-mil-testes-em-lares-e-creches-no-algarve-e-no-alentejo/?fbclid=IwAR3qnlDCEisk32AzkKYOhBvdFuNcP_QJWAEghO4dfdhNRcp6-3WykwLGAc8

Partilhar: